Dicas simples para você proprietário alugar seu imóvel – Fernando & Fernandes

Filiais

Copacabana
Flamengo
Tijuca
Méier
Recreio
Jacarepaguá

Funcionamento

Segunda à Sexta
9:00h às 17:00h

Matriz

Vila Isabel / RJ
Rua Torres Homem, 217
(21) 2575-0880

Lista de comparação

Dicas simples para você proprietário alugar seu imóvel

Dicas simples para você proprietário alugar seu imóvel

Em tempos como os de hoje, ter uma segunda fonte de renda faz toda a diferença no final do mês. E para quem tem um imóvel desocupado, entrar para o mercado de aluguel é uma opção rentável mas que exige disposição para anunciar e e depois gerir o contrato com o seu inquilino.

Por isso, se você tem dúvidas em como dar o primeiro passo nesse mercado, aqui vão algumas dicas de como alugar seu imóvel de maneira ágil e atingindo o cliente certo!

Boa Apresentação

Sabe aquele velho ditado “a primeira impressão é a que fica”? Pois lembre-se que uma boa apresentação do imóvel é fundamental para uma locação e que falhas na manutenção podem atrasar ou até mesmo cancelar negociações.

Cheque tudo – rodapés, se não há manchas, sistema hidráulico e elétrico; e invista nos reparos.

Perfil do Locatário 

Não tem problema nenhum em traçar o perfil ideal do inquilino para o seu imóvel. Se seu objetivo é atingir universitários, jovens solteiros ou famílias, pense em investir em benfeitorias compatíveis com o locatário desejado.

Divulgação

O anúncio é a primeira porta de acesso do locatário a seu imóvel. Seja pela Internet ou em classificados, seja transparente na sua divulgação.

Comece tirando fotos com boa qualidade, utilizando ângulos e iluminação que não só favoreçam o local, como também mostra como ele é realmente.

O Inquilino

Conheça o seu inquilino. Aproveite as visitas para se apresentar e tirar dúvidas, mas também use esse tempo para conversar, conhecer os possíveis locatários e entender as expectativas da pessoa com o imóvel.

Faça as Contas

Essa é uma das partes mais difíceis para quem quer alugar seu imóvel. Deixando de lado o valor emocional, o preço que será cobrado de aluguel tem que ser coerente tanto com o imóvel, como também com o mercado.

Seja Flexível

Quanto mais exigente e restritivo, mais difícil será alugar o imóvel. Não tenha medo de fazer concessões. Cada inquilino é diferente do outro, tendo necessidades e personalidades diferentes. Então é preciso estar sempre aberto a negociações, seja da garantia, dos prazos ou até mesmo da multa.

Contrato Fechado

Enfim chega o esperado dia de assinar o contrato! Dos proprietários mais rígidos ao mais tranquilos, a regra é uma só: toda e qualquer negociação deve estar documentada e assinada no contrato.

Para você ter certeza de que seu contrato está correto, veja se nele contem: preço do aluguel, tempo de vigência do contrato, garantia e penalidades em caso de conflitos ou inadimplência- incluindo rescisão. Se precaver não faz mal a ninguém!

Fonte:Imovelweb

img

felipebrito

Artigos relacionados

Veja as diferenças entre fiador, seguro-fiança e garantia de aluguel

Na hora de alugar um imóvel, são exigidas medidas que garantam ao proprietário que o pagamento...

Continue lendo
por felipebrito

Empresa realiza feiras em condomínios

A empresa Feira Premium, criada por Rafael Pinto Silva, 33, em São Paulo, organiza feiras livres...

Continue lendo
por felipebrito

4 perguntas antes de alugar uma casa.

Quem olha pro mercado imobiliário nota que uma coisa em comum inquilino e proprietário sempre...

Continue lendo
por felipebrito

Junte-se à discussão