Horta no condomínio. – Fernando & Fernandes

Filiais

Copacabana
Flamengo
Tijuca
Méier
Recreio
Jacarepaguá

Funcionamento

Segunda à Sexta
9:00h às 17:00h

Matriz

Vila Isabel / RJ
Rua Torres Homem, 217
(21) 2575-0880

Lista de comparação

Horta no condomínio.

Horta no condomínio.

A vontade de ficar mais tempo ao ar livre, e cuidar das plantas à nossa volta pode ser um ótimo momento também de começar uma horta no seu condomínio. Com poucos recursos já é possível montar uma, com temperos, ervas e hortaliças.
O fundamental é que seja em um local onde bata luz direta, ajudando assim no crescimento das plantas.
Para minimizar os custos, a plantação pode ser feita em vasos. Se a opção for pelos canteiros, são necessários tijolos, uma impermeabilização com manta asfáltica no local e terra apropriada para o cultivo.
Outra opção é utilizar uma parte da área do jardim, ou uma jardineira, para esse fim.
Caso haja qualquer adaptação do espaço físico do condomínio que envolva gastos extras, vale a pena chamar uma assembleia para referendar a decisão.
Nesse caso também vale decidir como serão divididos os frutos da horta, se a mesma será colhida por um funcionário ou pelos próprios moradores e quem ficará responsável pelo cuidado diário do espaço.
Manutenção da horta do condomínio
Esperar que as crianças do condomínio ou que um morador cuide da horta pode não ser uma ideia que perdure, já que a área demanda cuidados diários.
O mais comum é que a empresa que cuida da área verde do condomínio também faça a manutenção desse espaço, evitando que a área se degrade.

Cuidados com a horta
• Irrigação diária: feita de acordo com o recomendado pela empresa paisagista, de preferência em horário pré-estabelecido
• Limpeza diária: retirada de plantas daninhas
• Adubação de preferência orgânica
• Tratamento contra pragas: Ficar de olho nas pragas ajuda a manter o espaço sempre bem cuidado. Uma dica contra cochinilha, lesmas, lagartas e outras espécies é deixar um tampinha de garrafa com cerveja no local, atraindo assim os animais. Dessa forma, sua retirada fica simplificada
• Rodizio de espécies: trocar as espécies de tempos em tempo é bom para não exaurir o solo. Também colabora com menos pragas no local.

Regras para o bom funcionamento da horta
• Não mexa nas plantas a não ser para colher. A ideia é que o espaço seja utilizado pelas crianças;
• Não se deve pisar na área destinada a esse fim;
• Só se deve colher quando a planta estiver crescida;
• Não leve tudo da horta para a sua unidade, outros moradores também podem querer consumir o mesmo que você;
• Caso tenha dúvidas se as plantas estão recebendo água o suficiente, ou para qualquer sugestão, fale com responsável pelo projeto. Fonte: Sindiconet

img

felipebrito

Artigos relacionados

Os 10 Mandamentos do Síndico de Sucesso

A função de síndico requer muitas habilidades diferentes, e é bastante complexa. Por isso, é...

Continue lendo
por felipebrito

Uso do salão de festas no condomínio

O agendamento do salão de festas (salão de eventos) varia muito de condomínio a condomínio....

Continue lendo
por felipebrito

Entregas em condomínios

Para não prejudicar o bem estar de todos, os entregadores devem ficar do lado de fora dos portões...

Continue lendo
por felipebrito

Junte-se à discussão